Você sabe como a saudabilidade impulsiona o marketing de alimentos?

O marketing de alimentos tem passado por uma mudança de postura considerável nos últimos tempos. A reavaliação sobre alimentação é uma questão cada vez mais concreta na sociedade, e não é apenas uma tendência passageira. É preciso valorizar e reforçar a ideia de saúde na indústria alimentícia.

Diante da importância da saudabilidade no momento atual no mercado, é essencial entender como esse conceito influencia as estratégias de marketing das empresas. Portanto, continue a leitura para saber mais sobre o assunto e conhecer maneiras de aproveitar essa ideia.

Entenda o que é saudabilidade

É um conceito de fácil compreensão: trata-se de uma nova consciência acerca da indústria alimentícia. A busca é frequente por produtos livres de lactose, glúten, sódio e outros compostos que podem ser evitados.

Essa maior preocupação com a saúde é um movimento constante e que cresce a cada dia. A perspectiva é que ele se mantenha forte, já que é real a possibilidade de comer bem e de maneira saudável. O nível de informação ao público aumentou, e isso trouxe também mais consciência acerca de hábitos alimentares.

Desse modo, as empresas do segmento têm dado uma atenção maior a linhas de produtos que se encaixam nessas novas demandas do mercado. Atender a essa proposta é fundamental para que as marcas se mantenham relevantes e competitivas na indústria.

Entenda o crescimento dos alimentos saudáveis

Os hábitos de consumo têm apontado para essa direção, com um nível de exigência mais alto por parte dos consumidores. Há alguns fatores que influenciam diretamente essa mudança de pensamento do público, como a proposta de estilo de vida fitness.

Ele preza por um estilo de vida saudável, com foco no corpo. Para estar em forma, é natural a prática de uma alimentação adequada. Isso gera um nicho de consumidores que praticam a saudabilidade no seu cotidiano.

Obesidade é um fator de influência

Outro ponto importante é o aumento assustador da população obesa no Brasil. Cerca de 20% dos brasileiros já alcançaram esse perigoso patamar, o que também resulta na busca pela mudança dos hábitos alimentares. Atender a esse mercado é extremamente vantajoso, mas requer esforços no que diz respeito ao marketing de alimentos.

Aumento da população idosa está em pauta

Chegar bem à terceira idade depende de todos os hábitos saudáveis cultivados desde já. O Brasil tem uma perspectiva de ser o 6º país com maior população de idosos até 2025, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). O acesso cada vez maior à informação e a dados como esse são fatores que ajudam na conscientização.

Nesse contexto, mais pessoas estão preocupadas em ter uma velhice saudável. A alimentação é parte determinante disso, o que reforça a importância de pensar na saudabilidade.

Saiba como isso interfere no marketing de alimentos

Essa nova ideia, muitas vezes imposta por ser uma necessidade de consumo, leva as empresas a repensarem o marketing de alimentos. O modo de fazer negócios tem passado por uma revolução, com o surgimento de linhas “fit”, apoiadas na premissa de saudabilidade.

Os novos produtos precisam ser levados ao mercado com um posicionamento adequado. Toda essa proposta de alimentos saudáveis deve reger as campanhas e as ações de marketing para os lançamentos do segmento. É importante mostrar ao consumidor o motivo pelo qual o produto será importante para ele.

Um bom exemplo são os snacks saudáveis. Eles são desenvolvidos sob o conceito de que são opções adequadas para pessoas com rotinas corridas, sem tempo de preparar alimentos apropriados. O snack é a comida ideal para o estilo de vida moderno, por entregar a saudabilidade tão buscada nos dias atuais.

O marketing de alimentos precisa impulsionar esse novo hábito de consumo

Em meio a esses novos hábitos, não basta apenas se adequar à saudabilidade. É preciso trabalhar para fortalecer o mercado. Esse novo jeito de consumir alimentos é uma realidade para os próximos anos. Então, é importante que os profissionais do setor de marketing fortaleçam essa ideia.

É ideal trabalhar em reposicionamentos das marcas, no fortalecimento das linhas de alimentos saudáveis e no engajamento do público em relação ao novo mercado. Quanto mais a proposta de saudabilidade é fortalecida com o marketing, mais o setor alimentício pode aproveitar esse hábito de consumo.

Empresas que já estão trabalhando nisso

Algumas empresas relevantes da indústria alimentícia nacional já estão trabalhando forte com a proposta de marketing de alimentos voltados à saudabilidade. Três bons exemplos são: a Bauducco, com a linha de biscoitos Cereale; a Coca-Cola, que adquiriu a marca Verde Campo; e a Unilever, que lançou a linha da empresa Mãe Terra, com foco em produtos orgânicos.

Saiba como aproveitar esse momento

Afinal, como trabalhar o marketing de alimentos dentro da proposta de saudabilidade? A seguir, veja algumas dicas que vão ajudar a aproveitar esse hábito de consumo e, assim, trazer resultados relevantes para as marcas.

Entenda seu público-alvo

A avaliação, nesse caso, é mais profunda do que uma simples pesquisa demográfica. É preciso traçar o perfil psicográfico do seu público-alvo. Entenda como é o estilo de vida dele, suas preferências e como esses fatores influenciam o modo como ele se alimenta. Seu comportamento diz muito sobre como direcionar ações de marketing precisas.

Implemente o marketing de experimentação

O marketing de experimentação é uma ferramenta muito útil ao colocar um novo produto no mercado. Ele ajuda a entender como sua marca interpretou e executou a saudabilidade. Antes de lançar, execute ações de sampling para que o consumidor tenha contato com o que você pretende mandar ao mercado.

Colete feedbacks

O feedback é decisivo para entender o que seu público está pensando sobre suas novas ações. Colha feedbacks após o sampling e veja se a aceitação é boa. Lembre-se de que uma resposta positiva depende de bons trabalhos de marketing de alimentos.

Ainda que a saudabilidade seja uma questão relevante ao momento, sua empresa deve avaliar se soube fazer essa adaptação da forma certa.

Fortaleça o conceito de saudabilidade

É interessante ter campanhas voltadas ao fortalecimento da saudabilidade. Trabalhe para que seu público-alvo se convença de que essa é uma ideia importante para o agora e para o futuro. Foque em assuntos vistos neste conteúdo, como obesidade, terceira idade e um estilo de vida mais saudável.

O marketing de alimentos é fundamental para se posicionar diante da saudabilidade, postura que promete ser cada vez mais sólida no mercado alimentício. Entender isso é um passo crucial para adequar sua empresa às novas boas práticas necessárias.

Como você viu, as ações de sampling têm grande importância nesse processo! A Samplify é uma empresa especializada no marketing de experimentação e pode fazer toda a diferença para a sua marca. Entre em contato conosco para saber mais sobre nossos serviços.

2018-09-24T21:58:07+00:00Por |0 Comentários

Sobre o Autor:

Tainah Escocard, 21 anos, Futura Publicitária e Apaixonada por Marketing. Trabalha em alavancar informações e dados para fazer o trabalho tornar-se mais eficiente. Muitas equipes podem enfrentar dificuldades para acessar e gerenciar informações que precisam para desempenhar suas funções de maneira efetiva, para o profissional de marketing ter métricas é essencial para medir as ações. Não existe mais espaço no mercado para o achismo!

Deixar Um Comentário